O Grupo de Apoio à Pesquisa e Extensão da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (Gape/Esalq) da USP organizará, nos próximos dias 17, 18 e 19 de agosto, o III Boron Day. O seminário será realizado de forma totalmente online e terá apoio da Multitécnica. As inscrições são gratuitas e já podem ser realizadas no site oficial do evento www.boronday.com.br. Em todos os dias a programação começará às 14h, com término previsto para as 17h30 nos dois primeiros e às 16h50 no terceiro dia.

Voltado para profissionais da agronomia de forma geral (produtores, gerentes agrícolas, consultores, técnicos e pesquisadores de instituições públicas e privadas, além de professores e estudantes), o Boron Day tem o objetivo de difundir conhecimento e informações técnicas acerca do Boro. Afinal, trata-se de um micronutriente de grande importância para o aumento da produtividade e melhoria da qualidade final dos produtos agrícolas, bem como na resistência ao déficit hídrico — um problema cada vez mais comum em nossos tempos.

Apesar de sua reconhecida importância na nutrição das plantas, ainda existem várias lacunas a serem preenchidas com relação à participação do Boro no metabolismo das mesmas. Estas dúvidas vêm sendo estudadas por pesquisadores de todo o mundo. Desta forma, o evento visa, também, promover a atualização técnico-científica dos participantes e, para isso, busca atrair pesquisadores, consultores e profissionais no âmbito internacional, principalmente do Brasil e Mercosul, além Estados Unidos e outros países.

 Especialistas ao vivo

O evento reunirá alguns dos maiores especialistas do mundo numa plataforma exclusiva de conteúdo. No primeiro dia do evento, os palestrantes serão Durval Ribas, que falará sobre a “Influência do Boro na Saúde Humana”; Evandro Fagan, que abordará o tema “Boro na Fisiologia das Plantas”; Victória Fernández, que discorrerá sobre “Adubação Foliar com Boro”; e Patrick Brown, que explicará a “Mobilidade do Boro nas Plantas”; e Godofredo Vitti, que irá explorar o tema “Fontes de Boro”.

O segundo dia dos trabalhos prevê as apresentações de Ismail Cakmak (Boro na Nutrição das Plantas: Nutrição via Solo ou Foliar), Douglas Gitti (Boro nas Culturas de Soja e Milho), Fábio Echer (Boro na Cultura de Algodão), Gabriel Barth (Boro nas Culturas de Trigo, Canola e Cevada) e Gabriel Schaich (Estratégia de Manejo de Boro no Sistema Intensivo de Produção).

O terceiro e último dia do seminário terá as apresentações, respectivamente, de Carlos Crusciol (Boro na Cultura de Cana-de-Açúcar), Jamison Moura (Manejo do Boro nas Culturas de Coco e Dendê), João Carlos Romero (Boro na Cultura de Café) e Rodrigo Boareto (Boro na Cultura de Citros).

O evento tem como lema “Boro – o micronutriente com efeito macro” e, segundo o Prof. Dr. Godofredo César Vitti, palestrante do segundo dia, “o evento abordará desde o boro na saúde humana, e, consequentemente na saúde animal, o boro na nutrição vegetal e, principalmente o manejo do boro nas principais culturas agrícolas brasileiras, bem como o uso do boro em sistemas intensivos de produção agrícola, além de comentar sobre as fontes de boro e seu comportamento no solo, procurando uma fonte que tenha lixiviação moderada, certo efeito residual, menor toxicidade, mas com solubilidade que atenda à nutrição de plantas”.

Mais informações podem ser obtidas no site oficial do evento boronday.com.br.

 

Grupo Multitécnica | Departamento de Comunicação e Marketing

Deixe seu comentário

Rolar para cima